Histórico

Sindicato dos Petroleiros existe há cerca de 30 anos

O Sindicato dos Petroleiros vem defendendo os interesses da categoria há cerca de 30 anos. No início, havia apenas o Sindipetro-RJ, que defendia os interesses dos trabalhadores do estado, e instalou-se em Macaé em 1988.

Com o passar dos anos, a Bacia de Campos foi se firmando como maior produtora de óleo e gás do país e, com isso, começou a surgir entre os trabalhadores da região Norte Fluminense a necessidade de ter uma estrutura sindical mais eficaz de representação na região. Por isso, em 1995 foi realizado um plebiscito na categoria, que decidiu pela criação do SINDIPETRO-NF (Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense). Em julho de 96, tomou posse a primeira diretoria do NF.

O Sindipetro-NF defende e luta pelos interesses de todos os trabalhadores das empresas do setor petróleo que atuam em atividades fins: perfuração, exploração e processamento de óleo e gás.

Atualmente, possui mais de 9.500 trabalhadores filiados, incluindo os das empresas contratadas e parceiras da Petrobras, como a Halliburton, Schlumberger, BJ Service, Brasdrill e Falcon. Mas pretende ampliar esse número buscando filiar trabalhadores de empresas onde a atividade principal é o petróleo.

Em todo país a categoria petroleira é representada por sindicatos petroleiros que somam um total de 19. Suas diretorias mantêm uma interação constante e têm como órgãos máximos de representação a Federação Única dos Petroleiros (FUP), a Confederação Nacional dos Químicos (CNQ) e a Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Sede MacaéMacaé

Rua Tenente Rui Lopes Ribeiro, 257 Centro - CEP 27910-330 Telefone: (22) 2765-9550

Sede CamposCampos

Av. 28 de Março, 485 Centro - CEP 28.020-740 Telefone: (22) 2737-4700