Sindipetro-NF repudia demissão em massa na Casa da Moeda

Segunda, 09 Abril 2018 11:49

O Sindipetro-NF repudia com veemência a demissão de 212 trabalhadores e trabalhadoras da Casa da Moeda do Brasil, denunciada ontem pelo Sindicato Nacional dos Moedeiros do Brasil (SNM). A entidade está solidária a esta categoria, que é uma das inúmeras que enfrentam diretamente o desmonte do estado brasileiro, empreendido pelos arquitetos do Golpe de 2016.

Os Moedeiros denunciam que as demissões fazem parte de um conjunto de decisões do governo e da gestão da Casa da Moeda do Brasil (CMB) para privilegiar grupos privados. "O SNM não medirá esforços para reverter esse processo de demissão em massa, que é apenas uma das ações para levar ao processo de desmonte da CMB, assim como foi a produção de cédulas de R$ 2,00 reais e como está sendo a licitação para a fabricação de moedas", relata manifesto do sindicato da categoria.

Os petroleiros e as petroleiras, que vivenciam em seus locais de trabalho este mesmo desmonte, esta mesma estratégia de entrega de compras e de operações a grupos privados, este mesmo atentado criminoso à soberania nacional, se irmanam aos moedeiros neste momento de luta e resistência.

Entreguistas, golpistas, traidores da Nação, não passarão!

Diretoria do Sindipetro-NF
Macaé, 09 de Abril de 2018

 

 

 

 

Avalie este item
(0 votos)

Sede MacaéMacaé

Rua Tenente Rui Lopes Ribeiro, 257 Centro - CEP 27910-330 Telefone: (22) 2765-9550

Sede CamposCampos

Av. 28 de Março, 485 Centro - CEP 28.020-740 Telefone: (22) 2737-4700