Uo-Rio descumpre código de ética e lei ao negar alimentação aos trabalhadores

Quinta, 12 Janeiro 2017 09:00

Chegou ao sindicato uma denúncia de que gerências da Uo-Rio estão delimitando horários para a alimentação dos trabalhadores e trabalhadoras a bordo.Essa prática além de antiética é ilegal, portanto, o Sindipetro-NF preparou um documento pedindo a punição de todos os gestores envolvidos em tal assédio que, segundo relatos, aconteceram nas plataformas P55 e P53.

 Vale ressaltar que o Sindicato vem denunciando, desde a assinatura dos códigos de Ética e de conduta, que o sistema de consequências implementado por Parente e Cia virou uma ferramenta de assédio institucional que é utilizada para coibir e oprimir aqueles que não cumprem a cartilha da gerência.

Portanto, é uma ótima oportunidade para a empresa mostrar que, efetivamente, o sistema de consequências vale para todos e punir toda a gestão dessas plataformas envolvidas numa atitude que fere, diretamente, o Art 3 da Lei 5811/89.

O ofício que o sindicato irá enviar a empresa está em anexo e, caso não seja resolvido internamente, gerará uma denúncia a ser enviada aos órgãos externos para posterior investigação.

 

Avalie este item
(0 votos)

Sede MacaéMacaé

Rua Tenente Rui Lopes Ribeiro, 257 Centro - CEP 27910-330 Telefone: (22) 2765-9550

Sede CamposCampos

Av. 28 de Março, 485 Centro - CEP 28.020-740 Telefone: (22) 2737-4700