Fim dos Acordos Regionais e últimas informações sobre a morte na P-19 no NF ao vivo de hoje

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O programa NF ao vivo, interação do Sindipetro-NF que acontece toda quarta-feira, às 19h30, pelo Facebook e pelo Youtube da entidade, debate hoje o risco do fim dos direitos previstos no Acordo Regional, além de atualizar as informações sobre a morte, ontem, do caldeireiro Patric Carlos, 37 anos, em acidente de trabalho à bordo da P-19.

O coordenador geral do Sindipetro-NF, Tezeu Bezerra, e o assessor jurídico Carlos Eduardo Pimenta participarão como convidados para falar sobre os acordos regionais, em conversa moderada pelo jornalista Vitor Menezes e pelo coordenador de Comunicação do NF, Tadeu Porto.

O Acordo Regional tem vigência prevista para até o próximo dia 13. Desde junho o sindicato busca abrir negociações com a empresa pela sua renovação. A gestão da companhia, no entanto, quer o fim de pelo menos dois dos três direitos garantidos pelo documento.

A empresa quer acabar com o Dia do Desembarque e com o Turno da Manutenção. O terceiro direito, o Auxílio Deslocamento, também está em risco, pois a Petrobrás quer limitá-lo a apenas técnicos júnior, o que na prática quase o extinguiria.

Sobre mais uma morte inaceitável de um petroleiro no seu local de trabalho, a diretoria vai trazer informes sobre o início dos trabalhos de investigação, que terá na comissão o sindicalista Antônio Raimundo Teles como representante do sindicato.

Na manhã de hoje, a entidade fez um protesto no Heliporto do Farol de São Thomé, contra a morte na P-19 e por mais investimentos em segurança no trabalho. O sindicato tem denunciado o sucateamento das instalações operacionais da empresa.

Além da veiculação ao vivo, o NF ao vivo também tem versão editada em podcast que fica disponível na Rádio NF a partir das quinta-feiras, para os que preferem a versão apenas em áudio.