Halliburton apresenta nova proposta de ACT e tenta dar calote na categoria

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A FUP e o Sindipetro-NF convocam os trabalhadores e trabalhadoras da Halliburton para uma assembleia nesta sexta-feira (03), às 19h, para tratar sobre a proposta absurda apresentada pela empresa, que tenta dar um calote na categoria.

 

A empresa propôs alteração de data base de setembro de 2020 para maio de 2021, sem a reposição da inflação acumulada e suportada pela categoria em setembro de 2020 e setembro de 2021 e a PLR de 2020, estabelecendo assim, segundo entendimento de muitos trabalhadores e das entidades de classe representantes dos mesmos, um verdadeiro calote.

 

A empresa, simplesmente, não vai pagar a PLR de dezembro 2020 porque entende que não deve o valor, ao contrário da interpretação literal do último acordo coletivo firmado. Isso causou enorme indignação na categoria que demanda por uma assembleia para que seja rejeitada e retomada as negociações.

 

Além disso, apesar de manter a retenção de 15 dias das folgas suprimidas dos trabalhadores operacionais offshore(plataformas marítimas) (PSL) e onshore(sonda terrestre) (PSL), irá quitar com o adicional ( 100%) previsto no parágrafo segundo em doze meses, a partir de janeiro de 2022, o que propicia com essa retenção máxima com o adicional de 100% nos termos da cláusula 8.1.1 dessas folgas offshore e onshore suprimidas, um 14º salário sem descontos de impostos e encargos diante da natureza indenizatória da cláusula 8.1.2.

 

Superado esse limite máximo retenção de 15 dias de folgas suprimidas todas as folgas suprimidas serão quitado em 90 dias a partir de cada desembarque. Todas as folgas suprimidas imediatamente não compensadas devem ser ressarcidas se não forem compensadas com folga até o final do mês subsequente, dado aos embarques dos trabalhadores offshore e onshore não ser contínuo, como 15×15.

A assembleia acontecerá em sistema virtual, via plataforma tele presencial, no dia 03 de dezembro de 2021, às 19h primeira convocação e às 19h15 segunda convocação, para a apreciação e votação do Acordo Coletivo de Trabalho 2020/2022 apresentada pela empresa. Caso, o trabalhadores sigam a orientação de rejeitar o acordo, será votado estado de assembleia permanente.

 

Para participar, o trabalhador deve se inscrever antecipadamente através do link:

https://us02web.zoom.us/meeting/register/tZEvfu-grT8iGtVXdskuoZmuwqglg4RCCz2L

 

Após a inscrição, será enviado um e-mail de confirmação contendo informações sobre como entrar na reunião.