NF denuncia desrespeito da escala e do pagamento de horas extras em P-31

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O Sindipetro-NF enviou ofício à gerência de Relações Sindicais da Petrobrás para cobrar a atuação da gestão da empresa em relação ao desrespeito da escala dos trabalhadores e do pagamento de horas extras na plataforma P-31, na Bacia de Campos.

A entidade recebeu denúncia de que há práticas incorretas empreendidas pela Coordenação de Manutenção da unidade, quando comparadas com as adotadas pela Coordenação de Operação, gerando discriminação entre trabalhadores.

Na área de manutenção, não está sendo respeitada a “escala programada dos trabalhadores e alterações da mesma”, o que traz “impactos a vida social e convívio familiar dos trabalhadores”, como aponta o ofício. Assim como não estão sendo feitos os pagamentos de horas extras referentes a “período de confinamento
em hotéis ou da realização de cursos na folga”.

O NF cobra da empresa a resolução imediata do problema e solicita aos petroleiros e petroleiras que mantenham a entidade informada sobre as questões que envolvem direitos, ambiência, saúde e segurança no trabalho pelo e-mail [email protected] A entidade garante o sigilo acerca da identidade do denunciante.

Confira abaixo o ofício destinado à empresa sobre o descumprimento de direitos em P-31:

Ofício 123 - PDF -ass