Sindipetro-NF cobra imunização contra a gripe e H1N1 para trabalhadores terceirizados

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O Sindipetro-NF enviou um ofício à Petrobrás reforçando a cobrança para que a empresa imunize contra a gripe e H1N1 todos os trabalhadores e trabalhadoras, incluindo os terceirizados, que embarcam ou trabalham em terra. O Sindipetro-NF já havia sinalizado à empresa a importância na vacina em abril deste ano, porém, somente os trabalhadores próprios foram imunizados.

Em tempos de pandemia do Covid-19, o sindicato reitera que a vacina contra a gripe se torna ainda mais indicada pela convivência nessa época do ano com outras epidemias, que trazem a possibilidades de desenvolvimento de agravos à saúde.

Para o sindicato, é inaceitável que em tempos tão difíceis, a empresa continue mantendo um tratamento discriminatório com os trabalhadores terceirizados, que muitas das vezes convivem nos mesmos espaços e estão expostos aos mesmos riscos que o trabalhador próprio.  A saúde do trabalhador precisa vir em primeiro lugar.