Trabalhadores das salas de controle remoto continuam sem testagem pela Petrobrás e sindicato disponibiliza testes

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A Petrobrás continua tratando os petroleiros e petroleiras das salas de controle remoto (SCRs) das suas bases em Macaé com descaso. A empresa não está testando os trabalhadores por conta do contrato com a empresa que aplica os testes seguir suspenso. A previsão de retorno era na terça, 27, e ainda não voltou.

Até amanhã , o Sindipetro-NF segue disponibilizando a testagem para estes trabalhadores no laboratório Pionner, em Macaé, por meio de convênio com a entidade, como tem feito em outros momentos durante a pandemia.

Caso algum trabalhador ou trabalhadora tenha interesse em realizar os testes deve entrar em contato com o diretor Johnny Souza pelo e-mail: [email protected]

O sindicato desaprova esse descaso da empresa e reforça a necessidade de que a aplicação dos testes RT-PCR seja uma política da empresa de prevenção à covid-19. Os chamados testes rápidos não são eficazes, sobretudo para trabalhadores que atuam em turno, em duplas, em ambientes confinados.