Trabalhadores de PNA-1 aderem à greve. Já somos 40 unidades

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Os trabalhadores de PNA-1 realizaram assembleia na tarde de hoje, 2, e decidiram aderir ao movimento de greve. Os operadores de produção não estão participando do movimento, por isso o controle não está nas mãos dos grevistas. O pessoal permanecerá em seus postos de trabalho

Com a adesão de PNA-1 , o movimento passa a contar com 40 unidades. Estão no movimento de greve as plataformas PCE-1, PGP-1, PPM-1, PPG-1, PNA-1, PNA-2, PCH-1, PCH-2, PVM-1, PVM-2, PVM-3, P-07, P-08, P-09, P-12, P-15, P-18, P-25, P-26, P-20, P-31, P-32, P-33, P-37, P-40, P-47, P-48, P-50, P-51, P-52, P-53, P-54, P-55, P-56, P-61, P-62, P-63, P-65 e UMS Cidade de Cabo Frio e São João da Barra. No Terminal de Cabiúnas (Tecab), em Macaé, os grupos seguem o indicativo do Sindipetro-NF e ocupam o terminal.