Trabalhadores denunciam possível surto de Covid-19 em P-52 e falta de medidas preventivas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O Sindipetro-NF não para de receber denúncias de possíveis surtos de Covid-19 nas plataformas. Desta vez, o problema foi identificado em P-52, onde apesar de 20 trabalhadores estarem isolados, as medidas de segurança deixam a desejar.

 

Segundo informações da categoria, os camarotes estão todos lotados, já que a plataforma atingiu o POB máximo.

 

Além disso, os cursos e reuniões presenciais chegaram a ser retomados, aglomerando pelo menos 15 pessoas em um espaço pequeno. Somente após muitos questionamentos, a empresa afirmou que voltaria com a reunião via Teams.

 

Ainda de acordo com os trabalhadores, a falta de transparência segue sendo um problema, quase todos os dias há voos sanitários e os trabalhadores não são informados sobre o resultado do exame, assim como a situação dos seus companheiros desembarcados, gerando um grande desgaste emocional e psicológico.

 

O sindicato lembra da necessidade de testagem constante de todos a bordo e segue cobrando da empresa se as recomendações do MPT estão sendo cumpridas. Cabe lembrar que de acordo com o MPT, os trabalhadores não podem ser mantidos em isolamento a bordo, novos embarques devem ser suspensos até o desembarque de todos os casos suspeitos ou confirmados, haja completa desinfecção da unidade e controle de surto na unidade.

 

É muito importante que a categoria petroleira mantenha o sindicato informado sobre as condições de saúde e segurança no trabalho. Os relatos podem ser enviados para [email protected] A identidade do denunciante é preservada..