Um terço do efetivo de P-31 entrou em contato com a Covid a bordo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A plataforma de P-31 está com novo caso de surto a bordo.  Essa semana quase um terço do efetivo da plataforma está com Covid ou com pessoas contactantes. São dez casos positivos a bordo, três casos inclonclusivos e mais 37 contactantes, dando um total de 50 pessoas.

Segundo denuncia da categoria, na terça, 1 de fevereiro, havia previsão de um voo para retirar três trabalhadores com Covid e estavam previstos mais  voos de troca de turma, mas acabaram desembarcando todos os casos positivos de Covid e os inconclusivos.

 

Enquanto isso, os 14 contactantes estão liberados para circular na unidade e inclusive trabalhar. A gestão diz que trata-se de turma essencial e que não irá desembarcá-los. São três da CIS BRASIL, um da AZZ, quatro da CSE e seis da Petrobras.

 

Em sua recomendação de 31 de março de 2021, o MPT (Ministério Público do Trabalho) afirma que a empresa deve “abster-se de realizar isolamento a bordo de pessoas com suspeitas de infecção por Covid-19, promovendo o imediato desembarque dos casos suspeitos e/ou confirmados e a desinfecção de quaisquer acomodações utilizadas pelos trabalhadores portadores de doenças infectocontagiosas”.

 

A diretoria do Sindipetro-NF está acompanhando de perto essa situação. e todos os casos serão encaminhados para os órgãos competentes. É muito importante que a categoria petroleira mantenha o sindicato informado sobre as condições de saúde e segurança no trabalho. Os relatos podem ser enviados para [email protected] A identidade do denunciante é preservada.